A Bela Angevina

Sinopse

Eça de Queirós passou os anos mais produtivos da sua vida em Inglaterra e em Angers, e foi precisamente a partir desse local que foram encontradas cartas e fotografias de Eça dirigidas aos seus amigos. Arquivadas no espólio queirosiano, serviram de base a este romance que ficciona a vida amorosa com uma jovem viúva, sobrinha de um banqueiro e mãe de uma rapariga de cinco anos. Através da descrição do quotidiano de Eça, o leitor conhece a sua vida, pensamentos e angústias tendo acesso à biografia romanceada do escritor e jornalista. José-Augusto França cria assim uma narrativa assente em factos reais e entrelaça-a com a história imaginada num equilíbrio harmonioso convidativo à leitura.
José-Augusto França (1922), Tomar. Professor jubilado da Universidade Nova de Lisboa, criou o mestrado de História da Arte nessa mesma Universidade. Foi director da revista Colóquio/Artes e dirigiu o Centro Cultural Português de Paris. Entre as diversas obras que escreveu até agora, encontram-se publicadas pela Editorial Presença «Os Anos 20 em Portugal - Estudo de Factos SocioCulturais»; «(In)definições de Cultura, História da Arte em Portugal - O Pombalismo e o Romantismo»; «História da Arte em Portugal - O Modernismo».

Detalhes

  • Título Original A BELA ANGEVINA
  • Categoria Ficção
  • Sub-categoria Romance Histórico
  • ISBN 9789722333597
  • Nº de Páginas 188
  • Data de Lançamento 5/2005
  • Dimensões 230 x 150 x 14 mm
  • Formato Capa Mole
  • Peso 298g