Tentação Absoluta - Paraíso Livro 1

Tentação Absoluta - Paraíso Livro 1

Amantes no paraíso... mas este existirá mesmo?
13,95€ 15,50€
-10%

Ler Mais

Sinopse

Ele é um dos melhores comandantes do exército britânico... e a tentação de todas as mulheres. Quando Max Leighton chega inesperadamente à ilha dourada do Mediterrâneo onde Caro Evers reside, ela anseia por curar todas
as cicatrizes emocionais que a guerra deixou naquele homem. Mas durante uma noite gloriosa nos seus braços, descobre um mestre sensual cujo simples toque a leva ao mais completo abandono.

Ela é o anjo fascinante que ele não conseguiu esquecer. Farto das danças da regência londrina, Max regressa a Cirene para encontrar aquela mulher tentadora que o persegue nos sonhos... mas uma vez ali, descobre que Caro tem uma vida dupla perigosa. Guerreira e curandeira, pertence a uma sociedade secreta de protetores, os Guardiões da Espada, que juraram lutar contra o mal e a tirania que se espalha pela Europa.

Com medo de perder novamente o seu coração para Max, Caro jura resistir à ternura selvagem que sente por ele e frustrar as suas tentativas de a conquistar. Mas o destino irá guiá-los através de uma missão perigosa, longe das
costas douradas de Cirene, entrelaçando os seus destinos e desafiando os desejos mais profundos.

Este é o primeiro livro da série Paraíso.

Detalhes

  • Título Original Master of Temptation (Paradise series book1)
  • Categoria Ficção
  • Sub-categoria Erótica
  • ISBN 9789897545429
  • Nº de Páginas 296
  • Data de Lançamento 3/2022
  • Dimensões 232 x 155 x 19 mm
  • Formato Capa Mole
  • Peso 355g

Citações

  • «Era surpreendente a forma como o seu corpo reagia a ele. Nunca tivera uma reação tão primitiva a nenhum homem.»
  • «Era uma experiência nova para ele, ser rejeitado pela única mulher de quem desejava estar perto.»
  • «Para manter a sua eficácia, os Guardiões precisavam do anonimato. Se Max se envolvesse numa tentativa de resgate, seria difícil manter o segredo relativamente à ordem.»
  • «Tinha de voltar, nem que fosse para provar a si mesmo que o estranho fascínio que ela exercia sobre ele poderia ser quebrado. Que o alardeado poder da ilha não passava de um mito.