A Filha do General

A Filha do General

Há que ir além das mentiras...

Ler Mais

Sinopse

A capitão Ann Campbell formou-se em West Point, e é filha do lendário general Joe Campbell, cujo percurso heroico no Exército faz antever uma brilhante carreira política que o poderá levar à Casa Branca. É também o orgulho de Fort Hadley até que, uma manhã, o seu corpo é encontrado, nu e amarrado, na carreira de tiro.

Paul Brenner é membro da unidade de investigação secreta do Exército e o homem responsável por este caso politicamente explosivo. Juntamente com Cynthia Sunhill, especialista em casos de violação e com quem teve um caso tempestuoso e condenado ao fracasso, Brenner está prestes a descobrir quantas pessoas estavam sexual, emocional e
perigosamente envolvidas com a «coqueluche» do Exército. O escândalo é potencialmente colossal e Brenner promete a Campbell que o caso será resolvido longe dos holofotes da comunicação social. Mas em breve irá descobrir que é muito difícil cumprir a promessa…

Detalhes

  • Título Original The General's Daughter
  • Categoria Ficção
  • Sub-categoria Policial/Thrillers
  • ISBN 9789897545382
  • Nº de Páginas 408
  • Data de Lançamento 3/2022
  • Dimensões 232 x 155 x 26 mm
  • Formato Capa Mole
  • Peso 473g

Citações

  • «Embora me encontre na periferia da vida militar, ignoro se já estarei preparado para ter uma vida civil, mas talvez a mudança se encontre em vias de realização. Tem-se, por vezes, a intuição de que o pano do último ato vai descer.»
  • «- Começa um novo dia em Fort Hadley, mas um dos seus soldados não o verá.»
  • «Se me fosse dado optar entre enfrentar um tribunal marcial sob acusação de violação, homicídio e desvio sexual ou servir-me de uma arma de calibre trinta e oito, penso que escolheria o caminho mais fácil.»
  • «A natureza dos seres humanos não é mais constante ou definitiva em termos de cor do que um camaleão.

Críticas

  • «DeMille é um escritor contemporâneo maravilhoso com algo a dizer, algo tão raro como gratificante.»New York Daily News
  • «Escrita e diálogos fantásticos.»Irish Times
  • «Perturba, provoca e faz-nos pensar muito depois de o acabarmos.»Washington Post