FECHAR

perm_identity Login
     Ajuda

LIVRO ADICIONADO A LISTA DE DESEJOS

OOPS, TEM QUE FAZER LOGIN PRIMEIRO

LIVRO ADICIONADO
NOVIDADES
PROMOÇÕES
perm_identity AUTORES
Apoio Escolar
Arte
Culinária e Vinhos
Dicionários
Ficção e Literatura
Gestão e Economia
História
Infantis-Juvenis
Lazer
Línguas Estrangeiras
Não Ficção e Ensaio
Pedagogia
Plantas e Animais
Religião, Espiritualidade e Auto-Ajuda
Saúde e Família
recent_actors  COLEÇÕES
library_books  SÉRIES
  PRESENÇA
  MANUSCRITO
  JACARANDÁ
  MARCADOR
library_books AJUDA
CONTACTOS
SAIR




Chéri
por Sidonie-Gabrielle Colette

   
ver opiniões >    escreva a sua opinião >


11,11€   IVA incluido
          Esgotado

MAIS SOBRE ESTE LIVRO MAIS SOBRE O LIVRO



Chéri, romance publicado em 1920, aborda o delicado tema da sedução amorosa entre uma bela cortesã a caminho da meia-idade e um adolescente mimado. Chéri, de uma cálida voluptuosidade, rompe com os cânones da época - ele com as suas infantilidades e pequenos amuos, é quem se deixa amar. Ela, uma mulher experiente, aceita com serenidade o prazer que ele lhe proporciona e não descura nenhum pormenor da sua educação amorosa. Até que a mãe de Chéri resolve, convenientemente, casá-lo. Colette consegue evocar esta intimidade e o seu contexto com palavras precisas, sensuais e poéticas, que não excluem o sarcasmo em relação a um certo meio social e a análise subtil da psicologia feminina. A tradução de José Saramago restitui-nos todos cambiantes da escrita de Colette com magnífica pujança e nitidez. Colette (1873-1954) é considerada uma das mais notáveis escritoras e mulheres da primeira metade do século XX.




Data de publicação15-09-2009
colecçãoObras Literárias Escolhidas
número na coleção8
Edição1
Número de páginas128
ISBN9789722342087
Dimensões150 * 230
Peso315




Sidonie-Gabrielle Colette
Colette é o nome literário de Sidonie-Gabrielle Colette (1873-1954), frequentemente considerada uma das mais notáveis escritoras europeias da primeira metade do século XX. O seu génio não ficou confinado ao domínio literário (escreveu cerca de 50 romances); foi igualmente comediante e actriz de music hall, jornalista, autora de crónicas, conferencista e colaborou mesmo com Maurice Ravel a convite da Ópera de Paris. Uma personalidade controversa no seu tempo, Colette foi membro da Academia Real da Bélgica (1935), presidente da Academia Congourt (1949). Em 1953 recebeu o grau de Grande Oficial da Legião de Honra, tendo tido direito a um funeral de Estado, quando morreu a 3 de Agosto de 1954.

ver mais




«Nunca seria capaz de escrever como Colette. Nunca li nada que igualasse as suas descrições. Era uma escritora muito sensual e muito à frente do seu tempo. (?) A cena final é por demais comovente; leva-me às lágrimas.»

OPRAH WINFREY




«Um excelente tópico, exposto com inteligência, mestria e compreensão dos mais secretos desejos carnais.»

ANDRé GIDE




«Colette humanizava tudo aquilo em que tocava. Vivia e advogava a sensualidade; e entregou-se aos prazeres sensuais com tal delicadeza de percepção, com tal elegância na dor e no êxtase físicos, que elevou a sensualidade a excelência.»

THE TIMES




«Chéri é a obra-prima de Colette.»

THE NEW REPUBLIC




«Dramático e comovente?»

THE NEW YORK TIMES









AJUDE OS LEITORES INDECISOS
COM A SUA OPINIÃO!



LIVROS RELACIONADOS LIVROS RELACIONADOS




RECEBA DESCONTOS E NOVIDADES




Siga-nos         

FORMAS DE PAGAMENTO E SEGURANÇA