FECHAR

perm_identity Login
     Ajuda

LIVRO ADICIONADO A LISTA DE DESEJOS

OOPS, TEM QUE FAZER LOGIN PRIMEIRO

LIVRO ADICIONADO
NOVIDADES
PROMOÇÕES
perm_identity AUTORES
Apoio Escolar
Arte
Culinária e Vinhos
Dicionários
Ficção e Literatura
Gestão e Economia
História
Infantis-Juvenis
Lazer
Línguas Estrangeiras
Não Ficção e Ensaio
Pedagogia
Plantas e Animais
Religião, Espiritualidade e Auto-Ajuda
Saúde e Família
recent_actors  COLEÇÕES
library_books  SÉRIES
  PRESENÇA
  MANUSCRITO
  JACARANDÁ
  MARCADOR
library_books AJUDA
CONTACTOS
SAIR




Belos e Malditos
por F. Scott Fitzgerald

   
ver opiniões >    escreva a sua opinião >


16,90€   IVA incluido
          Esgotado

MAIS SOBRE ESTE LIVRO MAIS SOBRE O LIVRO



Belos e Malditos segue a vida do casal Anthony Patch e Gloria Gilbert durante aquela que ficou conhecida como «a idade do jazz». Juntos comem e bebem nos restaurantes e hotéis mais sofisticados de Nova Iorque, alugam os apartamentos mais caros e viajam em carros topo de gama. Mas, sob a atmosfera frenética, luxuosa e extravagante que os envolve, está um mundo efémero e frágil - e o amor e o casamento destes dois jovens «deuses» vai-se deteriorando lentamente até à catástrofe final. Publicado em 1922, Belos e Malditos é uma reflexão sobre o amor, o dinheiro e a decadência e um estudo social dos anos que antecederam a Grande Depressão.




Data de publicação04-10-2011
colecçãoObras Literárias Escolhidas
número na coleção20
Edição1
Número de páginas384
ISBN9789722346221
Dimensões150 * 230
Peso447




F. Scott Fitzgerald
F. Scott Fitzgerald nasceu em St. Paul, Minnesota, em 1896. Frequentou a universidade de Princeton e publicou o seu primeiro romance, Este Lado do Paraíso, em 1920. Para além de O Grande Gatsby (1925) e Terna é a Noite (1934), consideradas as suas obras mais importantes, é também autor de mais de 160 contos, entre os quais O Estranho Caso de Benjamin Button, que a Presença publicou recentemente na coleção «Grandes Narrativas» e que foi alvo de uma adaptação cinematográfica. Contemporâneo de escritores como Ernest Hemingway e John dos Passos, F. Scott Fitzgerald morreu em Hollywood, em 1940.

ver mais




«O primeiro grande romance do cronista da Idade do Jazz.»

THE TIMES




«Ninguém escreveu sobre a América como F. Scott Fitzgerald, num tom tão melancólico; e a sua consciência do tempo perdido e do passado irrecuperável comunicam à sua obra - e, na verdade, à sua vida - um fundo de luto permanente.»

GUARDIAN




«Se Francis Scott Fitzgerald não tivesse existido, seria necessário inventá-lo. Raramente se encontra uma figura capaz de retratar e fazer a crónica de uma época com tanta mestria e verosimilhança.»

SUNDAY TIMES









AJUDE OS LEITORES INDECISOS
COM A SUA OPINIÃO!




OUTROS LIVROS DE F. SCOTT FITZGERALD




RECEBA DESCONTOS E NOVIDADES




Siga-nos         

FORMAS DE PAGAMENTO E SEGURANÇA