Utilizamos cookies para lhe oferecer um serviço melhor. Continue a navegar ou saiba mais.


Adicionar ao carrinho

17,90 € 16,11 €

Nº na Coleção: 688
Data 1ª Edição: 19/04/2018
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-6204-7
Nº de Páginas: 328
Dimensões: 150x230mm
Adicionar à lista
Adicionado à lista:
Visualizações: 636
Presente em:
1 lista de favoritos

 

Partilhar:
.
A Carruagem dos Orfãos
por Pam Jenoff (Autor)

A Carruagem dos Órfãos é um romance poderoso sobre a amizade, tendo como pano de fundo um circo durante a Segunda Guerra Mundial.

Duas mulheres extraordinárias e as suas histórias angustiantes, de sacrifício e sobrevivência.

Noa, de 16 anos, fica grávida de um soldado do exército nazi e é forçada a desistir do seu bebé recém-nascido. Vive no piso superior de uma pequena estação ferroviária, a troco de limpezas... Quando descobre dezenas de crianças judias amontoadas num vagão cujo destino é um campo de concentração, ela não consegue deixar de pensar no filho que lhe foi retirado.

E, num momento que mudará a sua vida para sempre, agarra numa das crianças e foge com ela pela noite fora sob um forte nevão.

Acaba por encontrar refúgio num circo alemão, onde tem de aprender números de trapézio para poder passar despercebida, não obstante o azedume de Astrid, a trapezista principal. A princípio rivais, Noa e Astrid em breve criam poderosos laços de afecto entre si. Mas como a fachada que as protege se torna cada vez mais ténue, elas têm de decidir se a amizade entre ambas é suficiente para se salvarem uma à outra - ou se os segredos que guardam deitarão tudo por terra.

Uma extraordinária obra visual e credível, bestseller do New York Times.


Seja o primeiro a comentar este livro
Citações
  • «Uma história comovente e de grande intensidade sobre a vida e o amor, o heroísmo e o sacrifício em tempo de guerra.» | My Weekly
  • «Um tributo ao espírito humano e à sua capacidade de se erguer do mais profundo desespero.» | NPR
  • «O primeiro capítulo mais fascinante que alguma vez li. Com talento e emoção, Pam Jenoff guia-nos através de uma narrativa convincente sobre a amizade e a coragem durante a Segunda Guerra Mundial.» | Charles Belfoure, autor de O ARQUITETO DE PARIS