FECHAR

perm_identity Login
     Ajuda

LIVRO ADICIONADO A LISTA DE DESEJOS

OOPS, TEM QUE FAZER LOGIN PRIMEIRO

LIVRO ADICIONADO
NOVIDADES
PROMOÇÕES
perm_identity AUTORES
Apoio Escolar
Arte
Culinária e Vinhos
Dicionários
Ficção e Literatura
Gestão e Economia
História
Infantis-Juvenis
Lazer
Línguas Estrangeiras
Não Ficção e Ensaio
Pedagogia
Plantas e Animais
Religião, Espiritualidade e Auto-Ajuda
Saúde e Família
recent_actors  COLEÇÕES
library_books  SÉRIES
  PRESENÇA
  MANUSCRITO
  JACARANDÁ
  MARCADOR
library_books AJUDA
CONTACTOS
SAIR




A Bastarda de Istambul
por Elif Shafak

   
ver opiniões >    escreva a sua opinião >


18,90€   IVA incluido


MAIS SOBRE ESTE LIVRO MAIS SOBRE O LIVRO



Numa tarde de chuva em Istambul, uma mulher entra num consultório médico. «Preciso de fazer um aborto», declara. Tem 19 anos e é solteira. O que acontece naquela tarde mudará para sempre a sua vida. Vinte anos mais tarde, Asya Kazanci vive com sua família alargada em Istambul. Devido a uma misteriosa maldição que caiu sobre a família, todos os homens Kazanci morrem aos 40 e poucos anos, e por isso é apenas uma casa de mulheres. Entre estas destaca-se a bela e rebelde mãe de Asya, Zeliha, que dirige um estúdio de tatuagens; Banu, que recentemente descobriu que é vidente; Feride, uma hipocondríaca obcecada com a iminência da tragédia. Quando a prima de Asya, Armanoush, uma arménio-americana, vem para ficar, segredos de família há muito tempo escondidos, relacionados com o passado tumultuoso da Turquia, começam a ser revelados.




Data de publicação08-01-2015
colecçãoJacarandá Literatura
número na coleção3
Edição1
Número de páginas372
ISBN9789898752376
Dimensões150 * 230
Peso418




Elif Shafak
Elif Shafak nasceu em Estrasburgo, França, em 1971. É uma romancista premiada e a autora mais lida na Turquia.A crítica tem-na aclamado como uma das vozes mais originais da literatura contemporânea tanto em língua turca como inglesa.
Entre as suas obras destaca-se A Bastarda de Istambul, nomeada para o Orange Prize for Fiction.

Os seus livros foram traduzidos em mais de 40 línguas. Elif Shafak mistura as tradições narrativas do Ocidente e do Oriente, dando voz às mulheres, às minorias e às subculturas.
Shafak é formada em Ciência Política e tem lecionado em várias universidades dos Estados Unidos da América, do Reino Unido e da Turquia. Escreve também para diversas publicações, incluindo The Guardian, The New York Times, The Independent, assim como para a plataforma digital World Post/Huffington Post. Casada e mãe de dois filhos, divide o tempo entre Londres e Istambul.


ver mais




«Avassalador, ambicioso, exuberante.»

THE OBSERVER




«Incrível, mágico, surpreendente... O leitor irá suster a respiração, incrédulo, nas últimas páginas.»

SUNDAY EXPRESS




«Um livro belíssimo, do melhor que tenho lido sobre a Turquia.»

IRISH TIMES




«De partir o coração...»

VOGUE




«Um verdadeiro prazer.»

THE TIMES






OPINIÕES

0 em 5 estrelas



de Anónimo em 2018

Quando Elif Shafak, nascida em Estrasburgo, França, em 1971, escreveu "A Bastarda de Istambul", cer...

Quando Elif Shafak, nascida em Estrasburgo, França, em 1971, escreveu "A Bastarda de Istambul", certamente estava longe de imaginar que o seu romance iria trazer-lhe tantas atribulações à sua vida, na medida em que, em 2006, no âmbito do artigo 301º do Código Penal Turco, foi levada a tribunal por «denegrir a identidade turca». As acusações que lhe foram imputadas deviam-se às palavras por si utilizadas na narrativa, por algumas das personagens arménias que fazem parte do romance. Felizmente, as acusações contra si formuladas, acabaram por ser retiradas, pois, caso contrário, corria o risco de vir a ser condenada numa pena de até três anos de prisão.
Mas o que faz ser tão peculiar o romance "A Bastarda de Istambul"?? A razão do sucesso está em que Elif Shafak, tanto neste como noutros romances, mistura as tradições narrativas do Ocidente e do Oriente, dando voz às mulheres, às minorias e às subculturas numa forma de escrita que nos faz lembrar o estilo de Milan Kundera, (no seu romance dá o nome de ?Café Kundera?, a um dos locais de culto, como ponto de encontro dos intelectuais de Istambul), desafiando clichés e transcendendo fronteiras. As suas obras inspiram-se em diferentes culturas e comunidades étnicas que transcendem as fronteiras dos países originais e refletem um forte interesse pela história, pela filosofia, pelas minorias culturais, pelo misticismo e pela igualdade de direitos das mulheres.
A presente narrativa gira em torno das consequências das atitudes do Império Otomano que, no início do século XX, quando, no primeiro ano da Primeira Guerra Mundial, o governo ditatorial do sultão decidiu perseguir a comunidade arménia residente em Istambul, como sendo esta o bode expiatório dos seus reveses bélicos, considerando-os espiões e traidores da causa turca.
Em pleno século XXI, duas jovens de dezanove anos, uma, Armanoush Tchakhmakhchian, americana de origem arménia, filha de refugiados arménios a viver em São Francisco, a outra, Asya Kazanci, laica, filha da nova geração de jovens turcos republicanos, encontram-se um dia na casa de Asya, em Istambul, para se travarem de razões relativamente aos seus antepassados. Armanoush é enteada do tio de Asya, Mustafá, geólogo a viver e a trabalhar no Arizona e casado com Rose, a mãe de Armanoush, tornando-se grandes amigas.
A ironia do destino juntou estas duas jovens, já que, a jovem turca, terá escapado de nunca ter nascido por um aborto que a mãe, Zeliha Kazanci, não teve a coragem de concretizar (é aqui que começa a narrativa do romance) e Armanoush só se liga à futura amiga e prima por afinidade, porque o seu pai, arménio de origem, se encontra desde muito novo divorciado da sua mãe Rose, e esta, como atitude de verdadeira vingança para com o ex-marido, casa-se com o turco Mustafá que conheceu no supermercado.
Asya Kazanci vive com sua família alargada em Istambul. Devido a uma misteriosa maldição que caiu sobre a família, todos os homens Kazanci morrem aos quarenta e poucos anos, sendo essa uma das razões para que Mustafá, o único varão da família, emigre para os Estado Unidos, com a intensão de iludir a morte pela referida maldição e, por isso, o Konak Kazanci é apenas uma casa de mulheres.
Das mulheres com que Asya vive, destaca-se a sua bela e rebelde mãe, Zeliha, que dirige um estúdio de tatuagens, usa minissaias extravagantes e um piercing no nariz; a tia Banu, que recentemente descobriu que é vidente e convive com dois Djinn que lhe dão a clarividência; a tia Feride, uma ex-vendedora fantástica, que sofre de «esquizofrenia hebefrénica» e que recentemente tinha mudado a sua maleita para a paranoia, pois quanto mais se esforçassem para a trazer de regresso à realidade, mais paranoica e desconfiada ela se tornava; a tia Cevriye que teve um casamento feliz mas depois de ter enviuvado tornou-se apenas professora dedicada ao ensino da história da Turquia e é obcecada pela limpeza, Gülsüm, a matriarca da família e avó de Asya e finalmente, Petite-Ma, a bisavó de Asya.
Quando Armanoush vem a Istambul para passar uns dias de férias da Páscoa com a prima de Asya, os segredos de família há muito tempo escondidos, relacionados com o passado tumultuoso da Turquia, começam então a ser revelados.
Elif Shafak, romancista com uma nomeação para o "Orange Prize for Fiction" no seu currículo, é uma das autoras mais lidas na Turquia, sendo considerada pela crítica como uma das vozes mais originais da literatura contemporânea tanto em língua turca como inglesa. Shafak é formada em ciência política e leciona em várias universidades dos Estados Unidos da América, do Reino Unido e da Turquia. Escreve para diversas publicações da imprensa diária e semanal, donde se destacam os The Guardian, The New York Times, The Independent, bem como para a plataforma digital World Post/Huffington Post.
Casada e mãe de dois filhos, divide o tempo entre Londres e Istambul. Os seus livros encontram-se traduzidos em mais de 40 línguas sendo considerada uma das vozes mais originais da literatura contemporânea.
O livro "A Bastarda de Istambul" foi publicado em Portugal pela Jacarandá, com a chancela da Editorial Presença. Sendo esta a minha última leitura no mês de abril, com este romance consegui compreender melhor o que atualmente se passa na Turquia, um país divido entre o oriente o e o ocidente com um pedido de adesão à União Europeia mas sempre dificultado pela poderosa Alemanha. Para quem gosta do género que não perca a oportunidade de o ler.





AJUDE OS LEITORES INDECISOS
COM A SUA OPINIÃO!




OUTROS LIVROS DE ELIF SHAFAK
LIVROS RELACIONADOS LIVROS RELACIONADOS
10%

After - Livro 1 - Depois de
o Conhecer

21,90 €
19,71
 
10%

O céu é para quem não
desiste de voar

13,90 €
12,51
 
10%

Três Desejos
Liane Moriarty

17,90 €
16,11
 
10%

Um Clarão de Luz
Jodi Picoult

17,90 €
16,11
 
10%

Regresso à Tua Pele
Luz Gabás

20,90 €
18,81
 
10%

Dez Anos Depois
Liane Moriarty

18,50 €
16,65
 
10%

Missão em Cuba
Nelson DeMille

19,90 €
17,91
 
10%

Foi sem querer que te quis
Raul Minh'alma

15,50 €
13,95
 
10%

STARS - LIVRO 1
Anna Todd

15,90 €
14,31
 
10%

A Felicidade é para os
Humanos
P. Z. Reizin
19,90 €
17,91
 
10%

Ao Sol de Tânger
Christine Mangan

15,90 €
14,31
 
10%

Felizes para Sempre
Kiera Cass

16,90 €
15,21
 
10%

Mentes Poderosas
Alexandra Bracken

18,50 €
16,65
 
10%

Entre as Estrelas
Katie Khan

16,90 €
15,21
 
10%

Conversas Entre Amigos
Sally Rooney

15,90 €
14,31
 
10%

O Lutador de Sumo que não
Conseguia Engordar
Eric-Emmanuel Schmitt
12,44 €
11,20
 
10%

Nix - Fantasmas do Passado
Nathan Hill

27,90 €
25,11
 
10%

A Mulher de Cabelo Ruivo
Orhan Pamuk

17,90 €
16,11
 
10%

Sorrisos Quebrados
Sofia Silva

15,90 €
14,31
 
10%

Quem ama não esquece
André Sousa

14,90 €
13,41
 
10%

Uma Herança de Amor
Cristina Campos

16,90 €
15,21
 
10%

Submersos
J. M. Ledgard

14,90 €
13,41
 
10%

Encontrei-te nas Páginas
de Um Livro
Xavier Bosch
15,90 €
14,31
 
10%

O Filho de Noé
Eric-Emmanuel Schmitt

12,44 €
11,20
 
10%

Já Te Disse Que Te Amo?
Estelle Maskame

17,90 €
16,11
 
10%

O Som das Coisas Que
Começam
Evita Greco
16,50 €
14,85
 
10%

Os Passageiros do Tempo
Alexandra Bracken

18,95 €
17,06
 
10%

Os Viajantes
Alexandra Bracken

18,95 €
17,06
 
10%

Dei o Teu Nome às Estrelas
Rui Conceição Silva

17,45 €
15,71
 
10%

O Diário Secreto de
Hendrick Groen aos 83 anos e ¼
Hendrik Groen
17,50 €
15,75
 




RECEBA DESCONTOS E NOVIDADES




Siga-nos         

FORMAS DE PAGAMENTO E SEGURANÇA