Judeus Portugueses

Judeus Portugueses

Uma história de luz e sombra
15,21€ 16,90€
-10%

Ler Mais

Sinopse

O que nos diz a história de quase dois mil anos de presença judaica no território que é hoje Portugal?

O judaísmo português é resultado de uma longa história: umas vezes trágica, outras vezes mais serena, mas sempre muito rica. Como financeiros e médicos, filósofos e exegetas, matemáticos e astrónomos, os judeus contribuíram para o desenvolvimento económico, cultural, científico e filosófico de Portugal. Mas esse contributo foi tanto maior quanto maior era a liberdade, a tolerância e a interacção social e política entre os diferentes povos.

A vida dos judeus portugueses é, por isso, indissociável da história de Portugal. Neste livro, Esther Mucznik, escritora e cronista especializada em temas judaicos, cruza a história dos judeus e a história de Portugal em momentos, episódios e personalidades concretas que demonstram essa relação íntima - uma relação feita de convivência e de perseguição, de amor e de ódio, de desterro e de saudade, de reencontro e de reconciliação… de luz e de sombra.

Uma viagem por dois milénios.
Uma história judaica, mas também uma história portuguesa.

Detalhes

  • Título Original História de Portugal / Judeus
  • Categoria Não Ficção
  • Sub-categoria História
  • ISBN 9789898975898
  • Nº de Páginas 248
  • Data de Lançamento 9/2021
  • Dimensões 232 x 155 x 14 mm
  • Formato Capa Mole
  • Peso 433g

Citações

  • «Contrariamente aos seus irmãos de fé na Europa cristã, sucessivamente expulsos dos mais diversos países e novamente readmitidos ao sabor da necessidade dos seus préstimos, os judeus na Península Ibérica aqui permaneceram quase sem interrupção durante mais de 1500 anos.»
  • «Com o endurecimento das perseguições em Espanha, nomeadamente a partir de 1391, o número de comunidades judaicas praticamente foi multiplicado por cinco, atingindo no século xv o número de 139, nomeadamente ao longo da fronteira oriental. Só as províncias de Trás-os-Montes e Beiras albergavam metade das comunidades do reino.»
  • «O certo é que a Península Ibérica foi nessa época a única região na qual coabitaram três religiões e três culturas, islâmica, judaica e cristã [...].