Utilizamos cookies para lhe oferecer um serviço melhor. Continue a navegar ou saiba mais.


Adicionar ao carrinho

18,90 €

Nº na Coleção: 112
Data 1ª Edição: 22/08/2000
Nº de Edição: 13ª
ISBN: 978-972-23-2641-4
Nº de Páginas: 460
Dimensões: 150x230mm

Opiniões em Blogues

Adicionar à lista
Adicionado à lista:
Visualizações: 6905
Presente em:
22 listas de recomendações
14 listas de favoritos

 

Partilhar:
.
A Papisa Joana
por Donna Woolfolk Cross (Autor)

A autora reuniu, numa perfeita combinação, aspectos lendários com factos históricos do qual resultou um romance sobre Joana de Ingelheim. Filha de um missionário inglês e de uma mãe saxónica, Joana, nascida a 814, sente-se frustrada pelas limitações impostas à sua vida pelo simples facto de ter nascido com o sexo errado. O seu irmão Mateus começou a ensiná-la a ler e escrever quando Joana contava apenas seis anos. Com a sua morte, Joana recorre a toda a sua astúcia e capacidade de ludibriar de modo a continuar a dar largas à sua paixão pelo saber. Mais tarde, Joana foge de casa para seguir os passos do seu irmão João, a caminho da escola religiosa na Catedral de Dorstadt, onde ela se torna a única presença e estudante feminina tolerada. É quando surge Geraldo, e a vida de Joana muda ao aperceber-se de que o ama. No entanto, o seu amor é-lhe interditado pelas maquiavélicas manobras de Ritschild. Usando as roupas e identidade do irmão, depois deste ter sido chacinado durante um ataque normando, Joana foge e entra para o mosteiro de Fulda, onde ela se passa a denominar, depois de feitos os votos primordiais, João Anglicus. Trilhando o caminho de monge a padre num instante, enquanto apurava o seu conhecimento e técnicas de cura, Joana começa a traçar a sua rota direita a Roma, onde os seus dons lhe abrem caminho para se tornar confidente e físico curador dos dois papas. É nos meandros de várias intrigas políticas no meio eclesiástico que Joana, ela própria, ascende ao posto de pontífice máximo da Igreja Católica. A Papisa Joana resulta numa fabulosa e vívida recriação do período por nós conhecido como a "Idade das Trevas".


Comentários:
"Lindo, espetacular! Quase conseguimos ver com os olhos dela o ambiente familiar e sentir o que foi a sua infância. Uma caracterização de uma época que quase me fez lembrar o lado histórico que Ken Follett, em que as mulheres são acessórios facilmente descartáveis e dificilmente a sua versão da história chega aos nossos dias.
Verdade ou lenda não interessa quando a história nos preenche por completo!
"
colocado por Elisabete Mendes, em 11/10/2016
Gostou deste comentário? Sim Não

0 de 1 membro gostou do seguinte comentário:

"Muito, muito bom!Lenda ou realidade?Deixo para vós saberdes.Adorei o livro e o filme, mas o livro é sem dúvida melhor."
colocado por Miguel P., em 16/10/2010
Gostou deste comentário? Sim Não
"Aqui está um livro que penso reler em breve. Li-o há alguns anos um pouco á pressa. Porém, como saiu um filme na Alemanha baseado nele, espero saboreá-lo antes de o filme cá chegar."
colocado por Joana Caires, em 13/12/2009
Gostou deste comentário? Sim Não
"Fantástico romance que nos faz sentir toda a adrenalina que a personagem sentiu ao conseguir enganar todos o que a rodeavam e conseguir concretizar os seus objectivos. Adorei!!"
colocado por Elisabete Janeiro, em 05/12/2009
Gostou deste comentário? Sim Não
LIVROS RELACIONADOS
LISTAS DE RECOMENDAÇÕES
biblioteca 14 livros
uma pequena parte dos livros que tenho na minha estante.
A ler 98 livros